100 por hora ::

Ontem a noite saímos para buscar nosso amigo Samuka que veio passar uns dias de trampo em Curitiba e levá-lo pra jantar conosco e depois ministrarmos juntos no Mosto. Estava com uma boa expectativa no coração quanto a esta noite, e como não gosto de me atrasar fui logo pra casa.

Busquei a Liz e fomos pra rodovia do Contorno Sul pra depois pegar a BR 116 – o caminho mais rápido, segundo o google maps – e boa! Alguns Km rodados e logo nos deparamos com a primeira surpresa…

Estava correndo entre 80 Km/h a 100 Km/h e nos deparamos com uma falha na rodovia! Sabemos que o Contorno Sul e até mesmo a BR 116 são cheias de falhas, no caso do Contorno, está sempre… eternamente em obras, mas nunca pensei que fosse passar por um buraco daqueles.

O barulho da pancada nos pneus. O carro perdendo um pouco da estabilidade… E um breve chacoalhão.

O carro permanecia rodando… parece que levou algum tempo até o susto passar. Achei que tinha perdido um pneu, a pancada pareceu tão forte que só poderia ter furado o pneu dianteiro… reduzi a velocidade para uns 50 Km/h – 60 Km/h e como não deu pra “sentir” nada, seguimos um pouco mais em frente.

Após um trecho, paramos para verificar se estava tudo bem e só ouço a Liz gritar: “NOOOSSSAAA!!! ENTORTOU A RODA!”

Fui ver a situação e de fato uma das rodas dianteiras entortou, não era algo tão terrível a ponto de não poder rodar e o pneu ainda estava cheio – não furou *-* – com aquela pancada achei que o pneu tinha explodido!

Seguimos até o endereço, pegamos o Samuka e voltamos pra casa – desta vez por dentro da cidade.

Jantamos, demos um tempo e logo saímos, rumo ao Mosto.

Tocamos os primeiros acordes e tudo começou a fluir, foi incrível!

Começamos com um cântico espontâneo e seguimos com “Rei Da Glória [Santo é o Teu Nome]”. Entre uma canção e outra, alguém sempre se levantava para orar, lembro que boa parte das orações foram sobre Curitiba e Região Metropolitana.

Encerramos com o hino “Alvo Mais que a Neve”, a surpresa foi que boa parte das pessoas cantou junto. Mesmo sendo um clássico, nem todo mundo acaba lembrando da letra nos versos, e dessa vez fiquei surpreso ao ouvir as pessoas cantando junto, sem letra, sem projetor… foi lindo!

Após sairmos do Mosto, fomos levar o Samuka e nem sabíamos o caminho de volta até o endereço, pois eu não havia feito o mapa de volta no google maps. A Liz foi guiando até passarmos o Portão e o Novo Mundo, mas quando chegamos no Pinheirinho ninguém sabia o caminho… teríamos que nos virar pra achar a saída para o lado certo da BR 116 pra poder chegar no endereço. O mais louco no trajeto de volta foi o fato de pegarmos uma rua qualquer e subirmos numa rampa de acesso, fizemos uma volta, como se tivesse dado a volta na quadra e eu tentando imaginar onde nós estávamos, quando a Liz e o Samuka gritaram “Olha o endereço alí!” – bem do nosso lado, chegamos no endereço certo! Essa foi incrível! Deus nos guarda de uma forma muito especial e nunca deixa de nos surpreender *-*

Acho que esse foi um dos melhores dias em que toquei com Samuka, lembro que todas as outras vezes foram muito  legais, até tocamos juntos algumas vezes na IBA em Ponta Grossa (a galera de PG é MARA!), mas parece que dessa vez foi tudo diferente;  mesmo tocando no formato acústico (violão+cajon) e sem banda completa acabou ficando tudo bem legal. Espero poder provar de momentos tão especiais quanto este em breve!

O mover, as orações, os hinos, o clamor… tudo tão bonito.

Que ao buscarmos ao Senhor, possamos persistir em fazer de todo o coração…
É hora de despertarmos! Chega de desculpas e lamentos, chega de murmurações!

A hora chegou de adorá-lo! Que o Senhor possa acender a chama do Reavivamento em cada um de nós.

– Junior Monteiro

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s